• Andréa Rodrigues

Definido o All-Star Team da EHF EURO 2020 Feminina

MVP é a francesa Estelle Nze Minko; Stine Oftedal esteve também na seleção da Euro 2018

All-Star Team EHF Euro Feminina 2020

O All-Star Team da EHF EURO 2020 Feminina foi escolhido com a participação popular. As eleitas foram reveladas nesse domingo (20/dez), dia da final da competição.


A equipe tem representantes dos quatro semifinalistas – Noruega, França, Dinamarca e Croácia –, além de Rússia e Montenegro. Foram mais de 30 mil votos da torcida, que tiveram um peso de 40% na eleição. Os outros 60% foram de especialistas no handebol.


Stine Oftedal foi a única jogadora desta seleção que figurou também na lista do All-Star Team da EHF EURO 2018.


MVP | Estelle Nze Minko (França)

A lateral-esquerda francesa Estelle Nze Minko foi eleita a jogadora mais valiosa do torneio (MVP), após uma exibição consistente e brilhante. Ela foi vital para os esforços da França no ataque e na defesa, inspirando uma série de chutes de suas companheiras de equipe. Nze Minko é uma presença constante em quadra, com 250 minutos de jogo, e se consolidou como uma presença central na seleção francesa.

Estelle Nze Minko (França) (foto Divulgação EHF)













Melhor Defensora | Line Haugsted (Dinamarca)

A defesa dinamarquesa foi apontada por muitos como a mais eficaz durante o EHF EURO 2020, e a lateral-direita Line Haugsted foi uma parte essencial dessa defesa. Com 10 bloqueios e nove roubos de bola no final da semifinal, ela liderou o ranking de melhor defesa, à frente de qualquer outra semifinalista.

Line Haugsted (Dinamarca) (foto Divulgação EHF)













Goleira | Sandra Toft (Dinamarca)

Sandra Toft foi eleita a Melhor Jogadora da Partida por três vezes até as semifinais. A capitã dinamarquesa teve um dos melhores índices de eficiência de defesa na competição, com 37%. Toft também foi a melhor goleira do All-star em 2016.

Sandra Toft (Dinamarca) (foto Divulgação EHF)













Ponta Esquerda | Camilla Herrem (Noruega)

A ágil Camilla Herrem ficou em sétimo lugar na artilharia até as semifinais. A habilidade de Herrem em finalizar chutes rápidos, que é a marca registrada da Noruega, provou ser a chave para que sua equipe avançasse invicta para a final. Ela é outra integrante do All-star Team da EHF EURO 2016.

Camilla Herrem (Noruega) (foto Divulgação EHF)













Meia Esquerda | Vladlena Bobrovnikova (Rússia)

Vladlena Bobrovnikova impressionou desde o início do torneio, ganhando o prêmio de melhor jogadora da partida já no primeiro jogo da Rússia contra a Espanha. A atleta de 33 anos marcou 20 gols e 21 assistências ao longo do campeonato e também foi uma peça-chave na defesa da Rússia.

Vladlena Bobrovnikova (Rússia) (foto Divulgação EHF)













Central | Stine Oftedal (Noruega)

Pelo segunda EHF EURO consecutiva, Stine Oftedal é eleito a central do All-star, depois de também ter conquistado este prêmio em 2018. Oftedal liderou a lista de assistências feitas durante o campeonato, com 36 no até as semifinais, e foi a segunda artilheira depois de sua compatriota e companheira de equipe All-star Nora Mørk.

Stine Oftedal (Noruega) (foto Divulgação EHF)













Pivô | Ana Debelic (Croácia)

A jogadora croata Ana Debelic chega ao seu primeiro time All-star Team. A jovem de 26 anos foi uma parte importante do sucesso da Croácia, tanto ao marcar 19 gols no torneio quanto nas assistências para suas companheiras de equipe.

Ana Debelic (Croácia) (foto Divulgação EHF)













Meia Direita | Nora Mørk (Noruega)

Nora Mørk foi nomeada All-star da EHF EURO pela terceira vez, após seus prêmios em 2014 e 2016. Mørk voltou de lesão e tem se destacado consistentemente pela Noruega durante o campeonato, sendo a artilheira da competição e ajudando muito em assistências, enquanto sua equipe avançava invicta para a final. Ela também se tornou a primeira jogadora a ganhar dois prêmios de melhor artilheira da EHF EURO.

Nora Mørk (Noruega) (foto Divulgação EHF)













Ponta Direita | Jovanka Radicevic (Montenegro)

Oito anos após ter sido eleita a ponta direita All-star, Jovanka Radicevic de Montenegro mais uma vez ganhou este prêmio. Radicevic brilhou durante a rodada preliminar e principal, ganhando dois prêmios de Jogadora da Partida e marcando 39 gols em seus seis jogos.

Jovanka Radicevic (Montenegro) (foto Divulgação EHF)