• Andréa Rodrigues

Um dia todo para jogar handebol em Montes Claros (MG)


Projeto 12 horas de Handebol acontece em maio e vai homenagear ex-atleta assassinado na véspera da competição em 2016


O handebol é uma das modalidades esportivas que mais títulos deu à Montes Claros, cidade ao norte do estado de Minas Gerais. Crianças, jovens e adultos que praticam o esporte vão ter a oportunidade de passar um dia todo jogando handebol no dia 6 de maio, no Ginásio Darcy Ribeiro, do Montes Claros Tênis Clube (MCTC – Praça de Esportes). Será a sexta edição do Projeto 12 horas de Handebol, que começa às 10 horas e vai até às 22 horas.

Neste ano o festival ganha mais uma motivação: homenagear o acadêmico do curso de Direito e ex-atleta Vinícius Cordeiro, que foi assassinado brutalmente na madrugada do dia 16 de abril de 2015, numa casa de shows no bairro Ibituruna. Por isso o Projeto 12 Horas de Handebol vai usar a hashtag #SomosTodosVinícius nas camisetas dos participantes do evento. “A coordenação tomou a decisão de em todos os anos fazer esta justa homenagem para o ex-atleta devido ao carinho, amizade e respeito com que ele sempre mostrou enquanto colega e atleta”, informa a coordenação do festival, em comunicado.


Para participar do evento, os interessados podem pagar R$ 25,00 pela camisa que dá direito a jogar sem limites, e a mais um lanche. As camisetas podem ser adquiridas na secretaria da Praça de Esportes, de segunda a sexta das 8h às 16h ou com os coordenadores do 12 horas.

Por R$ 70,00, ex-atletas que se revezam entre se divertir em quadra e fora delas, têm direito a um espaço diferenciado, assim como parceiros e imprensa esportiva cadastrados previamente. A área vip ficará por conta dos shows com a cantora Bete Antunes, acompanhada do filho Renan Índio, e da parceria musical no sertanejo universitário entre Thiago Freitas e Maria Clara.


#noticias #handebolnacional

0 visualização