• Andréa Rodrigues

Handebol São Caetano acredita em ano muito competitivo


Equipe masculina manteve a base de 2015 e contratou vários reforços para voltar a ser um time de ponta


A equipe masculina adulta de São Caetano começou 2016 na contramão de muitos times mantidos pelas prefeituras municipais, que diminuíram os investimentos no esporte ou simplesmente cortaram os recursos. Mesmo não sendo considerado um orçamento ideal, o time trouxe reforços importantes e tem recursos para participar das principais competições do ano, como o Super Paulistão e a Liga Nacional. O técnico Washington Nunes segue o planejamento iniciado em 2015 de fazer o time voltar à elite do handebol brasileiro. Em 2003 o São Caetano foi campeão da Liga Nacional.

As contratações incluem o central da Seleção Brasileira Diogo Hubner, os pivôs Cauê Herrera e Thiago “Duplex”, o ponta direita Diego Lago e os goleiros Roney e Pedro. Eles se juntam ao central Bruno Santana e ao armador esquerdo Gustavo Japa, que chegaram em 2015.


Washington Nunes, técnico do São Caetano. (foto reprodução Agno Raiz / Tchê Esportes)

“É uma equipe interessante porque mescla juventude com experiência. Então temos jogador muito jovem como o Diego, que já teve passagem pela Seleção Junior, assim como o Fábio (goleiro). Pedro e Roney tem passagens pela Seleção e são ‘adulto’ há dois anos, mas ainda muito jovens também. Eles se juntam ao Bruno, ao Japa e ao Diogo, que são jogadores mais maduros, mais experientes e que vão agregar demais porque têm uma qualidade muito grande”, disse o técnico Washington Nunes à Tchê Esportes.

O central Diogo Hubner teve proposta de três equipes para essa temporada: São Bernardo, que ele defendeu em 2015, Esporte Clube Pinheiros, pelo qual jogou a Liga Nacional, e São Caetano. E diz que é muito bom saber que mesmo aos 33 anos ele é peça importante nos planos de alguns clubes.


Diogo Hubner defende o São Caetano em 2016. (foto reprodução Agno Raiz / Tchê Esportes)

“Eu fico muito feliz de ter recebido três propostas para jogar, sabendo que tem um monte de gente desempregada, de gente até parando de jogar por falta de clubes no país. A minha decisão foi por um projeto novo, já é um ‘casamento’ que se ensaiava há muito tempo e a proposta não só financeira, mas do projeto me seduziu muito. Jogar com atletas mais experientes como o Bruno e o Japa também me fez pensar porque eu vou dividir a responsabilidade e isso vai me deixar com mais liberdade pra fazer algumas coisas”, contou Diogo.

O armador Japa volta à equipe recuperado de uma lesão no ombro que o deixou sem jogar boa parte de 2015. E acredita no bom desempenho do time.


Japa de volta, após lesão em 2015, . (foto reprodução Agno Raiz / Tchê Esportes)

“Esse ano, com os reforços que chegaram a gente tem chance de dar um passo bem maior, temos grandes chances de ir pra todas as finais. Mas isso tem que ser mostrado dentro de quadra”, falou à reportagem.

Outro contratado, o pivô Cauê, concorda com Japa e acredita que o São Caetano vai brigar por títulos nessa temporada. E diz que esse foi um dos motivos que o levou a se transferir da Metodista/São Bernardo.


Cauê defende o São Caetano em 2016. (foto reprodução Agno Raiz / Tchê Esportes)

“O Washington veio com uma proposta muito legal, com um objetivo durante o ano interessante, ele tem um projeto muito bacana e trouxe atletas experientes como o Diogo, o Japa voltando de lesão, tem o Bruno, outros muito bons chegando como o Diego, o Duplex... Então achei muito interessante o time, vai brigar por todos os campeonatos que participar. Então por isso a minha decisão”, explicou Cauê.

Em 2015 o São Caetano ficou em sexto lugar no Super Paulistão, colocação abaixo da expectativa da equipe, que sofreu com a lesão de Japa e a saída de Rangel para a Europa no meio do ano. Na Liga Nacional o time caiu nas quartas-de-final diante do Esporte Clube Pinheiros, time que se tornou campeão da edição do ano passado.

O primeiro jogo do São Caetano no Super Paulistão Adulto Masculino será no dia 12 de abril, terça-feira, contra São José dos Campos. A partida acontece às 19h30 no ginásio da EDA em São Caetano do Sul (SP).

Elenco do São Caetano Adulto Masculino 2016

Goleiros:

Vinícius da Silva (Ruflo)

Roney Franzini (Roney)

Pedro Henrique Silva (Pedro)

Fabio Sozzi (Balão)

Ponta Esquerda

André Guedes de Sousa (Guedes)

Guilherme Parris (Parris)

Gustavo Nakamura Cardoso (Japa)

Lateral Esquerdo

Jean de Jesus (Jean)

Armador Central

Bruno Felipe Claudino Santana (Bruno)

Diogo Hubner (Diogo)

Armador Direito

Victor Ferreira Fuzetto (Pedrada)

Yano Andrey Piorvarczik (Yano)

Alecssander Antonio Santos (Jacaré)

Ponta Direita

João Felipe Ribeiro (Joãozinho)

Diego Aquino do Lago (Diego)

Pivô

Yuri Duran dos Santos (Yuri)

Thiago Soares (Duplex)

Cauê Herrera (Cauê)

Comissão Técnica

Técnico: Washington Nunes Silva Junior

Auxiliar Técnico: Alberto Gallina

Fisioterapeuta: Michael Fuso

Preparador Físico: Luiz Antonio Luisi Turisco e Felipe Angileli Ramalho

Dirigente: Flávio Pontes

Confira aqui as equipes do >>> Super Paulistão Masculino de Handebol 2016

#superpaulistão #handebolmasculino #taubatémasculino #spm2016 #sãobernardomasculino #sãojosémasculino #francamasculino #pinheirosmasculino #guarulhosmasculino #hebraicamasculino #ribeirãopretomasculino #sãocaetanomasculino #sãocarlosmasculino #15piracicabamasculino #noticias

0 visualização