• Andréa Rodrigues

Hebraica volta com vitória sobre Ribeirão Preto


Equipes fizeram partida pelo segundo turno do Super Paulistão Masculino de Handebol.


Guilherme Borin, Hebraica, um dos artilheiros com 5 gols no jogo. (foto André Pereira / Tchê Esportes)

A equipe da Hebraica voltou à disputa do Super Paulistão Masculino de Handebol com vitória por 29 a 23 sobre Ribeirão Preto. O jogo foi disputado na tarde desse domingo (2/ago) no ginásio poliesportivo da Hebraica, em São Paulo (SP).


Álvaro Casagrande, técnico da Hebraica. (foto André Pereira / Tchê Esportes)

“Foi um bom jogo, estamos voltando praticamente, ficamos um tempo sem jogar e é difícil voltar ao ritmo ideal. Muitos atletas eu senti que cansaram rápido, mas aos poucos a gente vai voltando à forma que é o ideal”, disse Álvaro Casagrande, técnico da Hebraica, à reportagem da Tchê Esportes.

Primeiro Tempo

Ribeirão Preto trabalhou uma defesa mais alta, buscando a marcação quase individual e com isso dificultou o início da partida para a Hebraica. A estratégia deu certo até os 18 min, quando o jogo estava empatado em 8 a 8. No entanto, a Hebraica conseguiu organizar a defesa e furar o bloqueio dos adversários por meio de contra-ataques. A primeira etapa encerrou com uma defesa à queima roupa do goleiro Alan, da Hebraica e o placar de 15 a 11.

As duas equipes tinham ausências importantes. Na Hebraica, Daniel Sawaya torceu o tornozelo e deve desfalcar a equipe por cerca de dois meses, e Raphael Leis, o Gardenal, deve ficar de fora do super Paulistão entre 15 dias e um mês. Em Ribeirão Preto, o goleiro titular Daniel Santos estava com febre, e o ponta direita Guilherme Montanari está com o dedo quebrado.

Segundo Tempo

O segundo tempo para a Hebraica foi mais tranquilo e o time chegou a abrir dez bolas de vantagem aos 18 min de jogo. Com isso, o técnico Álvaro Casagrande fez mais trocas, inclusive do goleiro, a fim de dar ritmo aos atletas e também de descansar os jogadores que estavam em quadra. O técnico Miguel Jabur, de Ribeirão Preto, pedia para os jogadores voltarem para marcar e ter atenção ao esquema que funcionou no primeiro tempo. “Pessoal, cada um ter que ter um”, gritava aos atletas.

A Hebraica conseguiu administrar a partida e fechou o placar em 29 a 23. Mas o técnico adversário Miguel Jabur gostou do desempenho da equipe apesar da derrota.


Miguel Jabur, técnico de Ribeirão Preto. (foto André Pereira / Tchê Esportes)

“A equipe se portou muito bem, os jogadores da base também jogaram muito bem hoje, surpreenderam. E a gente espera crescer e evoluir no campeonato como a gente está conseguindo agora. Hoje perdemos para um adversário que é muito forte dentro de casa e a gente sabe disso”, avaliou Jabur.

FICHA DO JOGO

Artilheiros: Guilherme Borin, Ettore Camargo, Felipe Carbone (Hebraica), Bruno Oliveira (Ribeirão Preto) e Matheus Oliveira (Ribeirão Preto) com 5 gols cada.


Artilheiros do jogo. (arte Tchê Esportes)

Destaque da Partida: Alan Costa, goleiro da Hebraica


Goleiro Alan Santos, da Hebraica, destaque do jogo. (foto André Pereira / Tchê Esportes)

Árbitros: Silvana Silva e Andréa Inglez

Delegado da FPHand: Rogério Fiacadori

Tabela de Classificação - Masculino



Tchê Esportes.

Handebol em Primeira Mão!

#superpaulistão #spm #handebolmasculino #hebraicamasculino #ribeirãopretomasculino #noticias #spm2015

0 visualização